Conheça a maior enciclopédia de plantas medicinais em vídeo do Brasil – Gratuita –

Desde a idade média, época sombria na qual pestes e doenças eram muito comuns, já existiam alguns jardins dentro de mosteiros. Estes jardins eram projetados e cultivados por monges que detinham grande conhecimento de ervas medicinais. Cada monge jardineiro, conhecia aproximadamente 500 plantas medicinais e as cultivavam para eventuais enfermidades. Depois da idade média esta sabedoria tornou-se cada vez mais popular espalhando-se para todo o mundo. Até que de uns tempos pra cá este conhecimento entrou em profundo declínio. (mais…)

Mini-doc mostra que é possível mudar o mundo com sistema de agroflorestas de Ernest Gotsch

O documentário (de 15 minutos) “Vida em Sintropia” mostra os princípios agroflorestais usados por Ernest Gotsch na recuperação de sistemas degradados. Trabalhando em parceria com a Fazenda da Toca que produz orGânicos em larga escala, Gotsch e Pedro Paulo Diniz tem mostrado ao mundo que a agroecologia é um futuro seguro para a humanidade.

(mais…)

Contra o frio projeto espalha casinhas de cachorro pelas ruas de Lages-SC

Todos sabemos que o inverno de Santa Catarina costuma ser muito frio, com temperaturas chegando à baixo de zero. Tudo começou num dia frio, quando a catarinense Bruna Uncini ao se deparar com vários cachorros amontoados tentando se aquecer em uma calçada e num outro episódio uma ninhada de filhotes sendo atacada por formigas. A partir dali, ela sabia que precisava fazer algo pelos animais da cidade de Lages, em Santa Catarina.

(mais…)

Conheça a ONG que Resgata e Ensina sobre a Importância das Abelhas sem Ferrão

Se você gosta de maracujá, melancia ou abobrinha, então devemos presumir que é um grande defensor das abelhas, pois sem elas, estes e muitos outros vegetais não existiriam ou seriam muito diferentes do que você conhece. Experimente perguntar aos seus amigos o que eles sabem sobre abelhas. Na maioria das vezes, você vai receber a seguinte resposta: Ah! Abelhas são aqueles insetos que produzem mel, picam e dói pra caramba. Acredite, este tipo de resposta é um triste demonstrativo da ignorância que paira sobre a maioria de nós brasileiros. (mais…)